PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE “MEIO AMBIENTE” QUANTO ÀS EMBALAGENS STOROPACK

  1. Sustentabilidade
  2. Perguntas frequentes sobre “Meio ambiente” quanto às embalagens Storopack

EMBALAGENS DE PROTEÇÃO PARA O ENVIO DE PRODUTOS

Por que são colocadas almofadas de papel e de ar nas caixas de envio? Muitas vezes o produto na caixa já está embalado.

Se o produto na caixa não estiver protegido, ele poderá se mover durante o transporte e sofrer danos. Isso também se aplica aos produtos dentro de caixas de envio. E produtos quebrados não são ruins somente para o destinatário, mas também para o meio ambiente: serão necessários mais energia e recursos para devolver o produto danificado e para a fabricação de um novo produto e seu reenvio do que para a produção das almofadas de papel ou de ar que podem prevenir os danos ao produto.

Por que às vezes produtos pequenos são enviados em caixas muito grandes com muito material de proteção?

Como fabricante de embalagens de proteção, a Storopack não tem influência direta no tamanho das caixas e na quantidade de material de embalagem de proteção usado pelos serviços de entrega. Entretanto, oferecemos consultoria aos nossos clientes quanto aos processos de embalagem eficientes, para fazermos a nossa parte para assegurar que somente seja usada a quantidade de material de embalagens realmente necessária.

Os produtos Storopack usados podem ser devolvidos à Storopack para re-ciclagem?

Certamente que sim! Entretanto, para redução do impacto ambiental, sugerimos descartar os produtos através das opções de descarte locais, preferencialmente através da coleta para reciclagem existente. 

Que tipo de pegada de carbono e pegada de energia os as diversas embalagens de proteção têm?

Investigamos se tais dados seriam representativos. Como não existe norma para estes estudos, acreditamos que eles são incompletos e enganosos. Portanto, decidimos não realizar este tipo de estudo/declaração.


REUSABILIDADE PARA EMBALAGENS DE PROTEÇÃO

Quais tipos de embalagem de proteção podem ser reutilizadas?

Todas as embalagem de proteção Storopack podem ser reutilizadas. Clientes não comerciais podem, por exemplo, usá-las para retornar um produto ou enviar outros produtos. A indústria e o comércio podem usar chips de embalagem recebidos em devoluções para enviar novos produtos.

 

RECICLAGEM, COMPOSTABILIDADE E DESCARTE

As embalagens de proteção Storopack podem ser recicladas?

Sim, todas as embalagens de proteção Storopack são recicláveis. Elas podem ser processadas e reutilizadas para diversos produtos industriais. A única exceção são chips de embalagem feitos de amido – estes não são recicláveis, mas compostáveis.

 

Qual é o descarte correto das almofadas de papel?

As almofadas de papel podem ser descartadas   na lixeira de cor azul , propria para o descarte de papel dentro das cores que regulamentam o descarte de lixo. O Storopack não usa papel revestido portanto podem ser descartados juntos com outros papeis. O descarte em instalações de reciclagem existentes contribui para reduzir o uso de matérias-primas primárias. 
O PAPERplus® usa apenas tintas que a recicladora pode remover facilmente (processo de remoção de tinta).

 

Qual é o descarte correto das almofadas de ar?

As almofadas de papel podem ser descartadas na lixeira de cor vermelha, propria para o descarte de plastico dentro das cores que regulamentam o descarte de lixo. O descarte em instalações de reciclagem existentes contribui para reduzir o uso de matérias-primas primárias. 
A Storopack também oferece embalagens de proteção compostáveis industrialmente, como o filme AIRplus® BIO, que pode ser usado para a fabricação de almofadas de ar. O  filme é um plástico compostável à base de ácido polilático (PLA) e copoliéster. A base do produto é feita com recursos renováveis. O AIRplus® BIO é compostável certificado de acordo com a norma europeia EN 13432 e a norma americana ASTM D6400.

Qual é o descarte correto das embalagens de espuma?

Eles podem ser usados novamente, por exemplo, como embalagem protetora. Porem no final de ciclo de uso elas devem ser descartados com resíduos  não recicláveis. Os setores de comércio e indústria têm seus próprios canais de descarte (resíduos industriais) através dos quais as embalagens de espuma também são recicladas.

 

Qual é o descarte correto do PELASPAN® BIO de embalagem?

Nossos produtos de preenchimento a granel, PELASPAN® BIO e Renature®, são feitos de amido vegetal, também são 100% compostáveis de acordo com a EN 13432. Eles podem ser descartados no lixo doméstico normal ou como lixo orgânico.

Por que nem todas as embalagens de proteção Storopack são compost-áveis?

Podem ser necessários tipos muito diversos de embalagem de proteção, dependendo dos produtos a enviar. Enquanto itens frágeis e leves, como porcelana e vidro são idealmente protegidos em uma caixa com chips de embalagem compostáveis PELASPAN® BIO, componentes técnicos pesados requerem embalagens de papel e espuma, para que o produto esteja estabilizado dentro da caixa de envio. Este tipo de embalagem de proteção não é compostável, mas pode ser facilmente reciclado. 

MATERIAL DE FABRICAÇÃO - PAPERplus®

Na fabricação de almofadas de papel PAPERplus® são usados materiais reciclados?

Isso depende do produto. Algumas almofadas de papel PAPERplus® desta linha contém material reciclado, outras almofadas PAPERplus® não contêm.

 

Qual proporção das almofadas PAPERplus® é feita de material reciclado?

Nas almofadas de papel que contêm material reciclado, a proporção é de no mínimo 40%. Algumas almofadas de papel são feitas 100% de material reciclado.

 

Existem almofadas de papel PAPERplus® são feitas de materiais renováveis?

Sim, PAPERplus® Classic Grass é feito de até 50 por cento de fibras de capim e pode ser totalmente compostado ou reciclado. PAPERplus® Classic Grass é fabricado sem o uso de produtos químicos no processamento.

 

Embalagens de proteção feitas de papel são mais amigáveis ao meio am-biente do que embalagens de proteção plásticas?

Cada material tem as suas próprias vantagens e desvantagens na fabricação e no descarte. O papel tem a vantagem de ser feito do recurso renovável madeira. Por outro lado, a produção da película de PE (polietileno) requer menos energia e água do que o papel e também pode ser reciclada com muito menos energia. Todas as embalagem de proteção Storopack podem ser reutilizadas e recicladas.

MATERIAL DE FABRICAÇÃO - AIRplus®

Do que são feitas as almofadas de ar?

As almofadas de ar AIRplus® são feitas de película de PE (polietileno). Fabricamos estas películas em nossas próprias fábricas. A película de PE se caracteriza em especial pelo uso mínimo de recursos para a sua fabricação e possui excelentes propriedades mecânicas: é muito flexível, permitindo acolchoar, bloquear e fixar todos os tipos de produtos de modo confiável.

 

A fabricação de embalagens de proteção plásticas é danosa ao meio am-biente?

Não. Durante o processo de fabricação e no processamento das películas de PE usadas em nossas almofadas de ar não são gerados odores desagradáveis nem vapores ou efluentes tóxicos. A produção das películas de PE é livre de cloro e enxofre, elas não contêm plastificantes ou metais pesados e não poluem a água subterrânea.

 

Na fabricação de películas AIRplus® são usados materiais reciclados?

Isso depende do produto. Algumas películas AIRplus® Void contêm material reciclado, enquanto outras películas AIRplus® não contêm.

 

Qual proporção de películas AIRplus® é feita de material reciclado?

As películas que são produzidas usando uma parcela de reciclados contém no mínimo 50% de reciclado.

 

O significa o termo “bioplástico”?

Deve-se distinguir entre plásticos com base biológica, plásticos biodegradáveis e uma mistura de ambos. Plástico com base biológica é feito integral ou parcialmente de biomassa, como milho, cana de açúcar ou celulose. Geralmente o plástico compostável é quebrado em dióxido de carbono e água, sob certas condições. Também existem os “plásticos OXO-biodegradáveis.” Estes são plásticos convencionais com adição de metais, para torná-los biodegradáveis.

 

Por que a Storopack não usa “plásticos OXO-biodegradáveis”?

Os assim chamados plásticos OCO-biodegradáveis devem ser evitados: muitos especialistas questionam se os fragmentos (ou microplásticos, dependendo do tamanho) são totalmente biodegradados. Além disso, os aditivos nos plásticos OXObiodegradáveis podem ter um impacto negativo na reciclagem. 
Para informações adicionais sobre bioplásticos, consulte também: Artigo da Agência Ambiental Alemã (UBA) sobre sacolas feitas de bioplástico

 

MATERIAL DE FABRICAÇÃO - CHIPS DE EMBALAGEM

Do que são feitos os chips de embalagem?

Os nossos chips de embalagem PELASPAN® são feitos de amidos vegetais compostáveis ou de EPS (poliestireno expandido) reciclado, que é 100% reutilizável.

MATERIAL DE FABRICAÇÃO - FOAMplus®

Do que são feitas as almofadas de espuma?

Embalagens de espuma FOAMplus® são feitas de poliuretano expandido, chamado PUR. PUR pode ser encontrado em muitos objetos de uso diário, tais como móveis almofadados, colchões, calçados, vestuário, veículos ou equipamentos técnicos.


Existem embalagens de espuma FOAMplus® feitas de matéria-prima reciclada?

Isso depende do produto. Embalagens de espuma FOAMplus® 5504R são feitos parcialmente de poliol, uma matéria-prima de reciclagem. Resíduos e sobras de poliuretano da produção ou de consumidores são processados em usinas de reciclagem, para produzir poliol. FOAMplus® 5504R tem propriedades similares ao material de base e pode ser usado para produzir embalagens de proteção de alta qualidade.

Existem fichas de informações de segurança do produto (FISP - MSDS) disponíveis para espuma PU expandida?

Sim, as fichas de informações de segurança do produto estão disponíveis sob solicitação. 

A espuma é um material perigoso?

Não, a espuma é um material inerte, ou seja, ela é quimicamente estável e não reage espontaneamente ao entrar em contato com ar, água ou outras substâncias. Entretanto, o isocianato líquido é um material perigoso, o seu contato com seres humanos deve ser evitado! Isso também está marcado nos tambores enviados aos clientes. 

PROTEÇÃO AMBIENTAL

Como a Storopack contribui para a proteção ambiental?

Como regra, a Storopack foca na sustentabilidade de acordo com o princí¬pio dos “4 R”: REDUZIR, REUTILIZAR, RECICLAR e RENOVAR. Para informações adicionais, consulte 
https://www.storopack.com.br/sustentabilidade/politica-ambiental/
Estamos atentos à redução do uso de recursos e energia na produção das nossas embalagens de proteção. Sempre que possível, as fábricas da Storopack usam energia obtida termicamente de resíduos. Também fabricamos sem geração de clorofluorocarbonetos (CFCs). Por fim mas não menos importante, o baixo peso das nossas embalagens de proteção tem efeito na redução do consumo de combustível durante o envio.

O que a Storopack está fazendo em relação à eficiência energética das suas próprias unidades?

A produção sustentável começa bem antes de transformarmos matérias-primas nos nossos produtos: os equipamentos em nossas fábricas também têm um importante papel na conservação dos recursos. Por isso estamos comprometidos com a gestão da eficiência energética e otimizamos continuamente a pegada energética das nossas fábricas.
Já atingimos reduções consideráveis nas emissões de CO2 e no consumo de energia, graças às diversas medidas de modernização. Mas isso não é tudo: em auditorias periódicas analisamos como podemos melhorar mais ainda. Informações adicionais podem ser encontradas aqui: https://www.storopack.com.br/sustentabilidade/eficiencia-energetica/

Como a Storopack se engaja contra os resíduos plásticos?

A Storopack faz parte da iniciativa global “Alliance to End Plastic Waste”, que busca salvar o planeta da praga da poluição por plásticos. 
Os resíduos plásticos no meio ambiente são um problema enorme, especialmente nos oceanos do mundo. Juntamente com em torno de 40 outras empresas, nos alistamos para a missão de impedir que os resíduos plásticos entrem no meio ambiente e limpar a poluição por plásticos já existente.

A Storopack é um patrocinador exclusivo do programa Big Blue Ocean Cleanup, uma das organizações sem fins lucrativos de liderança mundial na limpeza dos oceanos. 
Temos suportado a fundação internacional sem fins lucrativos Big Blue Ocean Cleanup desde 2018. Como patrocinador exclusivo do programa de limpeza da costa, nos dedicamos a uma parceria de longo prazo. O Big Blue Ocean Cleanup é um esforço ativo para criar conscientização sobre a atual condição dos oceanos do mundo e se dedica a proteger a vida marinha e a sustentabilidade para oceanos e costas limpos, com iniciativas dedicadas à limpeza de praias, removendo plástico do oceano, oferecendo cursos de treinamento e informando os parceiros e o público em geral.

Ao participar na iniciativa da Operação Clean Sweep, a Storopack dá uma importante contribuição para proteger o meio ambiente contra a poluição por plástico. Nas nossas localidades de moldagem na Alemanha, França e Espanha, nos comprometemos com os objetivos da Operação Clean Sweep, portanto definimos o objetivo de impedir que quaisquer partículas de plástico usadas nas nossas instalações produtivas encontrem um caminho ao meio ambiente através da água. Essa é uma contribuição importante para prevenir a perda de granulados na cadeia de valor do plástico.